Lavanderia

Sabia que o momento de colocar o amaciante na máquina ou tanquinho pode mudar o resultado da lavagem? Aprenda!

Amaciante não funciona bem em todo tipo de roupa, por isso tenha certeza que a que você vai lavar não reage de forma negativa ao uso do produto
Amaciante não funciona bem em todo tipo de roupa, por isso tenha certeza que a que você vai lavar não reage de forma negativa ao uso do produto

Ao vestir uma roupa limpinha, não há sensação melhor do que a maciez do tecido deslizando na pele, como se ela fosse nova! Sem falar naquele cheirinho especial de florais e no perfume do sabão. O responsável por esses dois toques finais é o mesmo produto coringa: um bom amaciante! Para garantir esse simples prazer de cada dia, não há segredo: basta combinar a medida certa ao tempo ideal.

Sabão e amaciante se complementam, mas separadamente

O amaciante é o toque final durante a lavagem. Por isso, jamais o adicione junto com o sabão no início do processo de limpeza, porque isso pode manchar suas peças. Durante o processo, as roupas se enrolam na máquina, o que faz com que as fibras dos tecidos fiquem contorcidas. É neste momento que entra o bom amaciante. O uso correto desse parceiro faz com que o tecido fique mais macio e perfumado. Além disso, ele vai facilitar muito a sua vida na hora de passar as peças.

Nunca despeje o amaciante diretamente nas roupas

Lavar a roupa na máquina facilita, e muito, a vida de todo mundo. Mas para garantir um bom resultado é preciso saber alguns truques. Não basta jogar o que está sujo e o sabão. Você precisa saber a hora certa de incluir o amaciante na lavagem.

Se o dispensário for único, espere a primeira fase acabar, que é quando a máquina começa a encher novamente. É nesse momento que o amaciante entra, se diluindo na água e agindo de maneira uniforme sobre as roupas. Mas se o processo for feito em uma máquina que tem o compartimento próprio, não há mistério: basta colocar a medida indicada nas instruções de uso para a quantidade de roupa desejada e apertar o botão iniciar.

Como usar o amaciante no tanque

Lavar roupa à mão é cansativo, mas às vezes esse é um mal necessário. Peças delicadas não podem ser jogadas na máquina, pois o risco de elas acabarem danificadas é grande. Nesse momento você precisa recorrer ao famoso tanque. Mas não precisa descartar o amaciante só porque está lavando tudo na base do muque! Inclusive, usá-lo durante este processo é bem simples. Para isso, retire bem o sabão, cubra a roupa com água nova e só então aplique o produto. Pode até deixar tudo de molho, sem ultrapassar dez minutos no balde ou bacia, e então é só enxaguar bem para finalizar.

Nem todos os materiais reagem bem a amaciantes

Na maioria dos casos o amaciante é muito bem-vindo, mas existem alguns tecidos que não podem entrar em contato com o produto. Toalhas felpudas ou bichos de pelúcia, por exemplo, são feitos de um material que não amassa e, portanto, a ação desse produto de limpeza é inútil. Sem falar que, no caso das toalhas, ele reduz a sua capacidade de absorção com o passar do tempo. Já com as roupas esportivas e de microfibra - que são desenvolvidas com alta tecnologia para que não retenham suor e regulem a temperatura do corpo - o amaciante não só perde o efeito como também danifica o tecido, entupindo suas linhas.

Aliás, você sabia que nem sempre é aconselhável usar o amaciante para lavar peças jeans? O produto anula a rigidez do tecido, deixando ele frouxo e flácido. Por isso, se o objetivo é garantir a vida útil da sua peça, evite usar amaciante em excesso.

Matérias: Lavanderia

Ver mais