Alimentação

Tudo o que você precisa saber para marinar a carne com perfeição e deixá-la ainda mais saborosa

Uma boa dica é usar o limão na marinada para amaciar e dar um gosto especial à carne
Uma boa dica é usar o limão na marinada para amaciar e dar um gosto especial à carne

Se você faz o tipo "chef" e ama cozinhar no dia a dia, com certeza já sabe que a marinação é uma das etapas mais importantes no preparo das carnes. É ela que, além de conferir sabor, ainda vai amaciar e, muitas vezes, prolongar a vida útil do alimento. Só que, ao contrário do que muita gente pensa, você não precisa usar apenas o limão para realizar esse serviço. Existem outros tipos de marinadas, feitas a partir de vários molhos e hortaliças que ficam deliciosas! Além disso, fazer esse tipo de tempero não é nada difícil! Dá uma olhada nas nossas dicas e aprenda a marinar a carne com perfeição!

Preste atenção no tipo de corte da carne

Para que a marinada realmente pegue bem na carne você deve prestar atenção no tipo de corte. Se o objetivo é acentuar o gosto do tempero, o ideal é cortar pedaços mais finos e, então, deixar marinando pelo tempo que quiser. Isso funciona bem no preparo de filés (tanto de carne vermelha quanto de frango e peixe). Mas lembre-se também que, quanto mais fina for a carne, menos tempo ela deve ficar no fogo depois, para não correr o risco de queimar.

Caso você queira marinar uma peça grande de lagarto, por outro lado, o ideal é usar uma faca para fazer pequenos furos na carne. Assim, a marinada vai conseguir entrar melhor, valorizando o tempero e deixando a textura mais macia. Vale lembrar que, quanto mais grossa for a peça, mais tempo ela também precisa ficar marinando, ok? Pois só assim o tempero vai adentrar para deixar a carne mais saborosa.

Dicas importantes: Peças grandes devem ficar cerca de 12 horas marinando submersas no molho ou suco que você preferir com os temperos. Já as coxas, sobrecoxas e filés podem muito bem ficar no tempero durante um período de 6 horas. Mas se você quer realmente destacar o sabor, também pode deixar o tempero agir por mais tempo (mas sempre em um período menor que 24 horas, para não correr o risco de a carne estragar).

Frutas, molhos e vinhos são ótimos para marinar as carnes

Engana-se quem pensa que o limão é a única alternativa viável na hora de marinar a carne. Existem muitos outros molhos e até mesmo sucos de frutas que harmonizam superbem com as carnes, sabia? Os de abacaxi e kiwi, por exemplo, possuem enzimas que ajudam a amaciar ainda mais a peça - fora o sabor, que também fica ótimo!

O vinho é outro aliado incrível para marinar carnes de diferentes tipos: o tinto deve ser usado em carnes vermelhas, enquanto o branco harmoniza melhor com as brancas. Para que o prato fique mais saboroso, tente usar vinhos secos, que são de melhor qualidade e não deixam o prato doce demais. O lado bom é que, durante o cozimento, o álcool do vinho evapora por completo, então pode comer sem medo. Muitas pessoas também utilizam molhos específicos, como o shoyu e o inglês, que ficam gostosos tanto em carnes brancas quanto vermelhas. O soro do leite também fica uma delícia em carnes brancas, sabia? Tudo depende do tipo de prato que você quer preparar.

Passo a passo para preparar e aplicar a marinada

Se você já está familiarizado com o processo de marinação, já sabe ele que não é nada difícil, mas aí vai o nosso passo a passo para quem quer aprender:

1. Antes de tudo, você deve descongelar a carne, limpá-la de forma caprichada (usando uma faca) e, depois, cortar do jeitinho que ela será preparada - optando por pedaços finos ou mais grossos;

2. Agora, chegou a hora de preparar a marinada em um potinho, usando o molho e os temperos que você preferir. Uma boa dica é colocar alho picado, sal, pimentas, cebola e outras hortaliças, como páprica e alecrim, que também dão um sabor especial. Não se esqueça de provar o resultado para garantir que esteja gostoso antes de colocar na carne;

3. Depois de preparar a marinada, você pode usar um pincel para espalhar o caldo pela carne, cobrindo toda a peça. Outra boa ideia é derramar a marinada aos poucos (como é o caso do limão, que você pode só espremer em cima da peça) de forma que ela adentre melhor nos pequenos furos da carne;

Obs.: No caso do vinho, o ideal é aplicar os temperos antes (esfregando com a mãos mesmo) e, depois, derramar a bebida sobre a peça de carne.

4. Depois de aplicar bem a marinada, você deve colocar a carne dentro de um saco transparente, para vedar bem e garantir que o gostinho da marinada pegue melhor. Muitas pessoas também armazenam as peças em potes de vidro - que também funcionam, mas não são tão eficientes quanto as sacolas;

5. Coloque a carne na geladeira e deixe-a marinando por algumas horas. O ideal, é tirar a peça pouco antes da hora de cozinhar. Assim, você tira o excesso da marinada e já pode colocar a mão na massa para fritar, assar ou cozinhar.

Matérias: Alimentação

Ver mais