Pets

Seu cachorro não come como deveria? Aprenda a incrementar a ração do doguinho

A melhor maneira de incrementar a ração do seu dog é acrescentando um pouco de carne
A melhor maneira de incrementar a ração do seu dog é acrescentando um pouco de carne

Lidar com as vontades dos doguinhos na maioria das vezes não é uma tarefa fácil, principalmente quando o objetivo é oferecer a alimentação correta! Que tal, então, aprender a incrementar a ração do seu pet com outros tipos de alimentos? Para esclarecer todas as dúvidas e saber como é possível fazer isso da maneira correta, nós conversamos com a médica veterinária Caroline Mouco Moretti. Ela falou sobre quais são as comidas mais indicadas e ainda deu várias dicas! Confira!

Incremente a ração com carne moída, frango desfiado ou banana

É impossível que o seu dog resista a uma boa carne moída ou a um franguinho desfiado! E a boa notícia é que ambos os alimentos estão dentro da lista de recomendações da veterinária. Então, se por um acaso você já fazia isso antes, pode ficar despreocupado. A única orientação é que não se utilize qualquer tipo de tempero no preparo das carnes, para que a saúde do animal não seja afetada. Fora isso, até mesmo alguns legumes e frutas estão liberados - especialmente a banana!

É importante salientar, no entanto, que algumas rações específicas não necessitam de nenhum incremento. De acordo com Caroline, "se a ração do animal for de qualidade, como as Premium e High Premium não há necessidade de incrementar com alimentos. Usamos desses artifícios somente quando o cachorro não está mais sentindo aquela mesma vontade de antes pelo alimento ou anda mais seletivo pela ração".

Além disso, o ideal é que qualquer decisão tomada seja com acompanhamento de um médico veterinário, "pois se houver uma incrementação proteica ou de carboidrato na ração a sua quantidade deverá ser diminuída [corretamente], deixando para trás qualquer risco de um futuro sobrepeso".

Obs.: Sempre dê preferência para as carnes que contêm menos gorduras! E, caso você opte pelas frutas, não se esqueça de retirar os caroços.

Saiba quais alimentos nunca devem ser oferecidos para o seu cachorro

Conhecer os alimentos que não devem ser oferecidos para o seu cão é tão importante quanto aprender como incrementar a ração corretamente. Segundo Caroline, muitos possuem substâncias tóxicas para o pet e podem causar complicações se o forem ingeridos.

Os mais destacados foram alho, cebola, uvas, verduras verdes claras, processados e embutidos - como presuntos, queijos, salames e mortadelas - e claro, o grande vilão chocolate.

Nunca substitua a ração por qualquer outro alimento sem um respaldo médico

É sempre bom lembrar que as rações de boa qualidade são desenvolvidas para suprir todos os nutrientes que o seu cachorro precisa! Não é à toa que as embalagens apresentam diversas especificidades do seu pet quanto à raça, porte, peso e idade. Elas têm a quantidade correta de sais minerais, vitaminas, proteínas e somente uma combinação específica de alimentos consegue substituí-la da melhor forma.

Por isso, a veterinária alerta: "o que não podemos fazer sob hipótese alguma é retirar a ração do cachorro e dar nossos restos para o animal comer ou fazer uma dieta ao nosso critério, pois se assim for feito sempre faltará alguma vitamina ou nutriente para esse pet".

* Caroline Mouco Moretti (CRMV-SP 27079) é formada em Medicina Veterinária pela Universidade de Guarulhos

Matérias: Pets

Ver mais