Alimentação

Santoku, cutelo e mais: saiba as diferenças entre os tipos de facas

No seu kit de facas não podem faltar a de legumes, a serrilhada pequena, a de chef e o cutelo
No seu kit de facas não podem faltar a de legumes, a serrilhada pequena, a de chef e o cutelo

Uma coisa é certa: todo bom chef precisa contar com utensílios de cozinha que facilitem a vida na hora de cozinhar, assar, fritar e preparar diferentes pratos no dia a dia. O problema é que existem muitas variedades de itens disponíveis e, por isso, é fundamental saber diferenciá-los para não se confundir na hora de comprar. Quando se trata de facas, por exemplo, é importante ter em mente que existem versões com diferentes tamanhos e materiais. Para te ajudar, nós preparamos uma lista falando sobre diferentes tipos de facas: santoku, cutelo, de desossar e por aí vai. Confira já e deixe o seu kit cozinha bem completinho!

Faca de chef é uma das mais clássicas

A faca de chef é uma das mais conhecidas e usadas na cozinha - portanto, tenha em mente que esse é um dos tipos que não pode faltar no seu kit. Ela é geralmente maior que as comuns (tem entre 15 cm e 30 cm), possui fio liso e pode ser usada para diferentes finalidades - cortar pães, legumes, carnes, frutas e por aí vai. Além disso, ela possui uma ponta levemente inclinada, que facilita no movimento de "subir e descer" a mão para cortar diferentes alimentos. A faca de chef é um item praticamente obrigatório para o seu kit - portanto, tente não abrir mão dela.

Santoku é um tipo de faca fina com lâmina larga

Muito provavelmente você já viu uma faca Santoku por aí, só não sabe ao certo identificá-la pelo nome. Ela é parecida com a faca de chef, mas costuma ser mais leve e rígida, de modo que você precisa afiá-la menos vezes. Além disso, a ponta dessa faca é menos inclinada e, por isso, toda a extensão da lâmina fica retinha (algumas pessoas acham mais fácil cortar com esse tipo de faca). De origem japonesa, a Santoku também é superprática: serve para cortar, fatiar e picar carnes, vegetais, legumes, frutas e outros alimentos.

Faca de pão não pode faltar no seu kit de jeito nenhum

Assim como a de chef, a faca de pão é outra que não costuma faltar nos kits de cozinha. A maioria das pessoas, inclusive, já sabe como identificá-la: ela é geralmente comprida, com lâmina reta e cheia de "dentinhos" para cortar o pão sem amassá-lo.

Cutelo é mais indicado para fins profissionais

O cutelo é o tipo de faca que muita gente não costuma ter em casa, pois tem um uso mais específico: serve para cortar carnes com ossos (funcionando como uma espécie de machado) e também é útil para picotar temperos e especiarias com mais precisão. No entanto, esse tipo de faca é geralmente mais indicado para usos profissionais - ou seja, para quem é chef de cozinha e sabe manusear melhor o item. Existem, basicamente, três tipos de cutelo: o de peso leve, médio ou pesado. O último é mais difícil de usar (por conta do peso) e costuma ser indicado para cortes mais difíceis, tais como ossos de carnes.

Faca para legumes é pequena e com lâmina lisa

Quem tem o costume de cortar muitas frutas e legumes (como abóbora, chuchu, cenoura, batata e beterraba), não pode deixar de ter uma faca dessas. Ela é pequena, tem uma lâmina bem lisa e é fácil de manusear. Com ela, fica mais fácil descascar e cortar os alimentos em pedaços pequenos. Por serem pequenas, elas também são úteis em trabalhos mais delicados e que exigem maior precisão - como descascar alho ou camarão. Vale destacar, no entanto, que essa faca precisa ser afiada com mais frequência.

Faca serrilhada multiuso é uma das mais usadas

Essa talvez seja a faca mais usada na cozinha - pequena, serrilhada e multiuso, ela serve para cortar legumes, frutas e até mesmo carnes. Além disso, ela também é usada como talher nas refeições, principalmente para comer pratos com carnes mais duras.

Faca para desossar é comprida e com a ponta mais fina para facilitar na limpeza

Você sabia que existe uma faca própria para desossar carnes? Ela é geralmente bem comprida, fina, rígida e com lâmina lisa. Além disso, a ponta é mais fininha, de modo que você consegue remover melhor os nervos e a parte fibrosa. Não é todo mundo que tem essa faca no kit, mas ela é uma ótima aquisição para quem tem o costume de comprar costelas e carnes com muitos ossos.

Matérias: Alimentação

Ver mais