Organização

Quarto de bebê precisa de cuidados especiais: saiba no que prestar atenção para deixar o ambiente seguro

Para que o bebê fique seguro, evite colocar bichos de pelúcia dentro do berço
Para que o bebê fique seguro, evite colocar bichos de pelúcia dentro do berço

Quando um bebê chega na família é uma felicidade só, não é mesmo? Afinal, além de ser mais um integrante para a casa, ele vem acompanhado de uma sensação de renovação e pureza que só eles têm. Por isso, para garantir a segurança e bem-estar da criança, é muito importante tomar todos os cuidados possíveis em todos os cômodos da casa, mas principalmente no quartinho onde ele ficará a maior parte do tempo. Ainda perdido sobre o que fazer? Confira 8 dicas!

1. Use móveis com menos detalhes

Uma das dicas para a segurança do bebê é usar móveis que sigam a linha mais clean e tenham menos detalhes. Sabe aqueles com quinas pontiagudas e cheios de reentrâncias? Então, evite, porque podem acabar machucando o bebê quando ele começar a se locomover por todo o espaço. Prefira os que tenham superfícies lisas e laterais pontiagudas para que não corra risco da criança se machucar. 

2. Aposte em gavetas com travas

Outro cuidado muito importante é com as gavetas - afinal, quando o bebê começar a crescer e engatinhar, ele pode começar a querer abrir e fechar os compartimentos. Por causa disso, o ideal é colocar trancas em todas elas para que não corram o risco de caírem na cabeça da criança. 

3. Compre um berço com estrado regulável 

Como o topo da grade precisa sempre ficar na altura do queixo da criança, a dica para não precisar se desfazer do primeiro berço logo é comprar um que tenha estrado regulável. Além disso, também é bom ficar atento ao espaço entre as ripas, que não deve ser maior que 6 cm e nem menor que 2,5 cm. 

4. Colchão do berço deve ser antialérgico e não ser duro ou mole demais

Não são só idosos ou quem tem problema na coluna que precisa se preocupar com a escolha do colchão: com os bebês, esse cuidado também é mais do que necessário! Uma das dicas é escolher um que seja antialérgico e que tenha uma densidade que não seja nem dura, nem mole demais para um melhor conforto para a criança.

5. Utilize produtos neutros quando for limpar o quarto

Por mais que pareça agradável deixar o quartinho todo cheiroso, o ideal é evitar o uso de produtos com perfume quando for fazer a limpeza. O motivo? É que a presença de um cheiro muito forte no cômodo pode acabar causando reações alérgicas no bebê! O ideal é apostar em opções neutras, livres de perfume, e no álcool sempre que for fazer a higienização.

6. Grades e redes de proteção são mais do que necessárias

Para garantir a segurança do bebê, também é fundamental colocar grades ou redes de proteção em todos os móveis que forem mais altos e oferecerem o mínimo risco para a criança. E vale lembrar que esse cuidado não deve ser tomado apenas no quartinho, mas em todos os outros cômodos da casa. 

7. Use protetores de tomada

Se prepare: na fase em que a criança começar a engatinhar, ela vai querer mexer em tudo - inclusive nas tomadas. Por isso, para impedir que ela corra o risco de choques ou acabe se machucando, use protetores nas do quarto e em todas as outras que estiverem espalhadas pela casa. 

8. Brinquedos dentro do berço? Melhor não

São tantos brinquedos para crianças que é inevitável sentir vontade de colocar alguns para decorar o berço. Mas, por mais linda que fique a composição na cama da criança, resista à tentação e deixe o espaço livre! É que os brinquedinhos podem acabar sufocando o bebê durante a noite ou, dependendo do material, causar alergias ou machucar o pequeno. 

Ah, e fique atento: se usar bichos de pelúcia em outras partes do quarto (está liberado, ok?), não deixe de lavá-los com frequência para impedir que acumulem poeira.

9. Use inseticidas horas antes do bebê ir para o quarto

Para proteger o bebê de insetos indesejados, o uso de inseticidas é sempre bem-vindo. No entanto, é preciso tomar o cuidado de aplicar o produto no quarto por, no mínimo, duas horas antes do bebê entrar para que ele não fique no ambiente com um cheiro agradável e nem com o risco de uma irritação respiratória. 

10. Tenha cuidado com a limpeza das roupas de cama

Para evitar o acúmulo de poeira no cantinho do bebê, procure trocar a roupa de cama uma vez por semana - limpando o berço com um paninho umedecido antes de colocar a nova. Na hora de lavar a roupa, siga a mesma dica dada para a limpeza do quarto: evite produtos com cheiro forte para que a criança não sofra com possíveis alergias.

Matérias: Organização

Ver mais