Lavanderia

Os tipos de tecido mais comuns e como não errar na lavagem

Na hora de lavar roupas, você deve separar os diferentes tipos de tecido e tomar os devidos cuidados com cada um deles
Na hora de lavar roupas, você deve separar os diferentes tipos de tecido e tomar os devidos cuidados com cada um deles

Na hora de lavar roupa, é muito importante diferenciar e separar os tipos de tecido para não cometer erros. A maioria das pessoas já sabe, por exemplo, que roupas coloridas devem ser separadas das brancas. Para te ajudar nessa missão, nós fizemos uma lista com os principais tipos de tecido e o passo a passo de lavagem de cada um. Confira!

Roupas de algodão podem ser lavadas na máquina com certos cuidados

O algodão é um dos tecidos mais fáceis de lavar, sabia? Você pode colocar as peças na máquina de lavar, sempre dividindo-as pela cor e tomando certos cuidados. Para começar, separe as roupas, vire-as do avesso e, se necessário, aplique um tira manchas para remover sujeiras específicas (neste caso, espere alguns minutos e esfregue o local antes de lavar).

Coloque sabão e amaciante na máquina, programe para lavar com água fria e centrifugue. Depois é só tirar, sacudir as peças e estender. Bem simples, né? Lavar roupas de algodão à mão também é simples: deixe-as de molho com sabão durante 20 minutos e depois esfregue com as mãos. Enxágue e coloque para secar. Não tem muito mistério!

Peças jeans devem ser lavadas em ciclos mais leves e suaves

Quando se trata de lavar peças de jeans (calças, shorts, jaquetas etc.), o ideal é sempre usar a máquina em ciclos mais suaves, para não danificar as roupas. Além disso, vale destacar que o ideal é usar sabão em pó e evitar ao máximo o uso de amaciante e outros produtos abrasivos (que podem estragar as fibras do jeans).

Programe a máquina para um ciclo menor e mais suave e não se esqueça de virar as roupas do avesso - para, assim, evitar que os zíperes e botões prendam em algum local ou danifiquem outras peças. Por fim, basta sacudir as roupas e estendê-las normalmente.

Obs.: Para evitar o desgaste das roupas, você pode optar por lavá-las à mão. Deixe-as de molho por cerca de 30 minutos, esfregue bem com as mãos e, no final, é só enxaguar e botar para secar. Bem simples!

Para lavar roupas de seda, verifique as instruções da etiqueta

Antes de lavar roupas de seda, é muito importante que você verifique a etiqueta para não cometer erros. Muitas peças feitas desse material devem ser lavadas apenas à mão. No entanto, existem algumas que podem sim ser levadas à máquina (basta tomar os devidos cuidados).

Para lavar de forma mais segura (à mão), comece enchendo um balde com água fria, coloque um pouco de sabão líquido, agite levemente a solução e deixe as roupas mergulhadas durante cerca de 5 minutos. Depois, movimente a roupa dentro do balde (imitando os movimentos da máquina, mas de forma mais suave) e, depois, é só enxaguar na água corrente. Use uma toalha para secar superficialmente, por fim, é só estender.

Obs.: Para lavar na máquina, é necessário seguir as instruções da etiqueta (usar ciclos menores e mais suaves, por exemplo). Todo cuidado é pouco quando se trata de peças de seda, ok?

Roupas de lã devem ser lavadas preferencialmente à mão

Assim como a seda, a lã é um tecido mais delicado e precisa ser lavado com bastante cuidado. Antes de tudo, você precisa verificar a etiqueta para saber se a peça pode (ou não) ser colocada dentro da máquina. O mais indicado, mesmo assim, é realizar a lavagem sempre à mão, para evitar que as fibras da lã se desgastem.

Para realizar a lavagem, prepare uma solução de água com sabão líquido em um balde, deixe a roupa submersa por 3 minutos e, depois, agite-a com as mãos. O ideal é que você evite esfregar (faça movimentos suaves com as mãos) e, no final, enxágue bem. Use uma toalha para tirar o excesso de água e deixe secar.

Peças de linho não podem ser lavadas em água quente ou colocadas na secadora

O segredo para não cometer erros é sempre verificar as instruções presentes na etiqueta das roupas. E, quando se trata de peças de linho, existem algumas regras que devem ser sempre seguidas, tais como: evitar usar água quente na lavagem (pois isso pode degradar e encolher as fibras do linho) e não colocar o tecido na secadora (pois isso pode causar danos definitivos na roupa).

O ideal é que você lave as peças à mão, usando água fria, detergente líquido e esfregando bem suavemente. Se necessário, deixe as peças de molho por no máximo 20 minutos. Depois é só torcer a roupa levemente com as mãos e, então, estender. Caso a lavagem seja feita na máquina, lembre-se de usar o ciclo mais delicado possível e não use produtos abrasivos.

Roupas de poliéster devem ser lavadas na água morna em ciclo permanente

Muito usado para a confecção de roupas de academia, o poliéster é um tipo de tecido resistente e bastante maleável. Mas, assim como outros tecidos mais delicados, ele precisa ser lavado com bastante cuidado. O ideal é que você vire a peça do avesso e, se houver necessidade, deixe de molho por uma hora na água morna, para remover possíveis manchas com mais facilidade.

Lembre-se também de conferir a etiqueta da roupa, pois algumas podem ser lavadas apenas à mão. Caso seja permitido o uso da máquina de lavar, a nossa sugestão é usar o ciclo permanente, que faz com que as roupas voltem à temperatura ambiente antes da centrifugação - o que evita certos danos no tecido. Depois de lavar normalmente (você pode usar sabão e amaciante), basta torcer, sacudir e estender a roupa no varal.

Obs.: Algumas peças vêm com a instrução "apenas lavagem a seco" na etiqueta. Neste caso, o ideal é lavar a roupa em uma lavanderia, para que essa técnica seja aplicada. Nesse tipo de lavagem, a roupa recebe solventes químicos que impedem a deformação do tecido. Interessante, né? Por isso, é muito importante que você sempre fique ligado nas informações das etiquetas!

Matérias: Lavanderia

Ver mais