Organização

Organização de ateliê inteligente: as dicas para deixar essa área livre de bagunça

Na hora de costurar, tricotar ou fazer outras tarefas manuais, o ideal é que você deixe a mesa bem limpa e clean, apenas com os itens que serão usados naquele trabalho
Na hora de costurar, tricotar ou fazer outras tarefas manuais, o ideal é que você deixe a mesa bem limpa e clean, apenas com os itens que serão usados naquele trabalho

Quem tem o hábito de costurar, tricotar, pintar, fazer peças de cerâmica ou outros artesanatos costuma ter um ateliê pessoal em casa para guardar todos os itens (como agulhas e fios) e ferramentas usadas nos trabalhos. E é muito gostoso ter um cantinho para brincar de artista e fazer essas atividades manuais, né? Então, para te ajudar a manter o ateliê sempre limpo e organizado, a gente separou umas dicas infalíveis. Spoiler: dá para reaproveitar latas de leite em pó, copos de requeijão e outras embalagens de cozinha na organização.

Deixe a bancada sempre limpa e livre de objetos

A lógica minimalista ("menos é mais") combina superbem com o ateliê, sabia? O ideal é que você tente manter a mesa de trabalho sempre limpa, clean e com o menor número de itens possível. A nossa dica é que você deixe em cima da mesa apenas aquilo que for essencial para o trabalho que está sendo feito na hora. Caso vá colorir um quadro, por exemplo, apenas tintas e pincéis devem estar no local. O restante do material de artesanato, como agulhas, fios e carretéis de fitas devem ficar devidamente guardados em caixas, prateleiras e gavetas do ateliê. Bem simples mesmo!

Utilize latas de leite em pó, de lentilha e outras para organizar os itens

Que tal seguir a lógica do reaproveitamento para organizar os itens (como pincéis, lápis, canetas e agulhas) e, ao mesmo tempo, ajudar a natureza? Uma boa dica, nesse caso, é reutilizar latas, copos e potes para guardar todos os utensílios de artesanato.

Latas de leite ou chocolate em pó, por exemplo, são ótimas para guardar canetas, tesouras, colas e lápis. Já as latas de milho, lentilha, leite condensado e creme de leite (que costumam ser menores) servem para organizar broches, agulhas e carretéis de linhas. Você pode separar os itens por cores e tamanhos, por exemplo. Bem simples, né?

Também é possível reutilizar copos de requeijão, geleia e palmito para guardar parafusos, pregos, tarrachas, botões e outros itens pequenos. O mesmo serve para o pote de sorvete, que é ótimo para guardar panos, retalhos ou fitas adesivas. Mas lembre-se de destinar um pote para cada tipo de acessório (um para todos os carretéis, outro para os retalhos e assim por diante). Dessa forma, você mantém tudo devidamente separado e organizado. Não tem erro!

Que tal fazer um mural com prateleiras e latas penduradas para deixar a área mais livre?

Para que o ateliê não fique uma bagunça, outra dica interessante é fazer um mural organizador, onde você vai colocar prateleiras e latas penduradas com todas as ferramentas e utensílios. Você pode pendurar tesouras, estiletes e fitas adesivas, por exemplo, em ganchinhos de metal que ficam presos na parede. Outra dica interessante é usar caixotes de madeira (encontrados em feiras) como nichos de parede. Neles, você pode organizar latas e potes com todo o material de artesanato. Interessante, né?

Matérias: Organização

Ver mais