Lavanderia

O brinquedo do seu filho sujou? Saiba como se livrar das manchas e deixá-lo como novo

Para limpar brinquedos de plástico a dica é usar detergente neutro
Para limpar brinquedos de plástico a dica é usar detergente neutro

Não tem jeito: quem tem filho pequeno dificilmente vai viver o sonho de ver os brinquedos sempre limpos. Quando a criança se apega a um, então, é praticamente impossível, porque ela vai levá-lo para qualquer lugar, deixando bonecos, pelúcias e afins bem sujinhos. E como dependendo da idade ela ainda vai acabar levando os objetos à boca, a importância de manter tudo higienizado é ainda maior. Mas como para cada problema existe uma solução, aqui nós viemos te contar como limpar o brinquedo do seu filho sem dificuldades. Se liga nas dicas:

Borracha e E.V.A ficam limpas com água e sabão

Esses dois materiais provavelmente são os mais comuns quando o filho ainda é bem pequenininho. E como os bebês são mais sensíveis, é importante prestar atenção no produto usado na limpeza desses brinquedos. A parte boa é que a forma de limpá-los é a mais fácil da lista, já que é só lavar tudo com água e sabão. Outra opção é usar um paninho umedecido em álcool, caso o método mais tradicional não esteja funcionando.

Madeira não deve ter contato com a água

Outro material que aparece com muita frequência em brinquedos infantis é a madeira, especialmente na fase em que a criança é pequena e se diverte com carrinhos e outros brinquedos mais lúdicos. Neste caso, é bom lembrar que a água precisa ser evitada, já que é absorvida pelo material e pode gerar fungos e bactérias. Produtos de limpeza próprios para a madeira são ideais, mas é bom consultar primeiro o pediatra do seu filho para ter certeza que ele não vai causar alergia. Na dúvida, mantenha o brinquedo limpo com um pano seco e, se ele sujar, tente retirar a mancha com um pano levemente umedecido.

Pelúcia pode ser lavada na máquina ou à mão

Conforme a criança vai crescendo é comum que ela comece a se apegar mais a bichinhos de pelúcia. E por serem feitos com pelo sintético, as chances de acumularem ácaros - como ocorre com tapetes - é bem grande. Por isso, todo cuidado é pouco. É claro que ninguém vai impedir o filho de brincar com a pelúcia, mas é preciso lavá-la com frequência.

Para saber a forma correta de lavar esses bichinhos é preciso ficar atento à etiqueta de cada um deles. Os símbolos vão indicar se é possível usar a máquina ou não, e em alguns casos, a temperatura máxima da água. Seja como for, a dica é colocá-lo dentro de um saco próprio para lavar roupa (aqueles próprios para peças delicadas) antes de botar para bater. Já se achar que o brinquedo pode estragar nesse processo será preciso lavá-lo à mão. Lave em um tanque com sabão e depois com amaciante, mas sempre com muito cuidado. Para secar, pode pendurar no varal junto com outras roupas. Essa dica vale também para brinquedos de pano.

Brinquedos de plástico ficam limpos com detergente neutro

No caso dos brinquedos de plástico não tem mistério: basta lavá-los com detergente neutro e água. O único cuidado que você deve tomar é de deixá-lo secar bem, porque a água pode se acumular em pequenas frestas e, com o tempo, gerar algum limo. Se isso acontecer sempre existe a opção de usar um limpa limo, mas a ideia é justamente evitar esse tipo de problema, certo?

Manchas de caneta saem com álcool

Difícil encontrar uma criança que não curta desenhar. Por isso as manchas de caneta são bem comuns em brinquedos, e elas em um primeiro momento podem parecer um verdadeiro pesadelo. Mas não precisa se desesperar! Um pano embebido em álcool pode ser suficiente para resolver o problema. Se o risco foi na madeira, a mistura de água com bicarbonato de sódio pode funcionar - apenas lembrando que é preciso usar pouca água, para não estragar o material. Nesse caso, deixe a pasta agindo por uns 15 minutos e tire com um pano úmido.

Quanto maior o uso, mais vezes deve ser feita a limpeza

Não existe uma tabela com a periodicidade que você deve lavar os brinquedos do seu filho, mas uma boa dica é observar quanto tempo ele gasta com cada um. Os favoritos devem ser lavados com uma frequência maior, pois são mais usados. Já os que ele costuma deixar de lado só é preciso tirar a poeira mesmo. E se ele não usa nunca uma boa ideia é doá-los para uma criança ou instituição que precise. Assim, sua família vai ser a responsável pela alegria de outras.

Matérias: Lavanderia

Ver mais