Limpeza

Não sabe como retirar papel de parede? Resolva esse problema em 6 passos simples

Use uma espátula para te ajudar a retirar o papel de parede
Use uma espátula para te ajudar a retirar o papel de parede

O tempo passou e você se cansou daquela estampa do papel de parede que há anos cobre uma das paredes do seu quarto? A gente entende! Agora os dias são outros e tudo o que você quer é renovar a decoração, seja instalando um novo ou mesmo pintando a superfície inteira de uma outra cor. Só que para isso você vai precisar retirar o papel antigo. Mas não se desespere! Para ajudá-lo nessa tarefa e afastar as dúvidas de uma vez por todas, fizemos um passo a passo para se livrar da estampa sem sufoco. Confere aí!

1. Entenda qual o tipo de papel de parede que você tem

Essa é a parte mais importante de todo o processo. Seu papel de parede pode ser do tipo removível, destacável ou convencional. O removível é o mais fácil de tirar, como o nome já diz. Para saber se esse é o caso do papel que está na sua parede, basta puxar uma das pontinhas com delicadeza. Se a estampa sair facilmente, inteira, você deu sorte: temos o primeiro tipo. Se apenas uma parte for retirada, o papel da sua casa é o destacável. Se, em último caso, sair apenas uma pequena parte da superfície, você terá algumas horas de trabalho, porque estamos falando do papel de parede tradicional. Nesse caso, é hora de seguir os passos seguintes.

2. Em caso de papel de parede impermeável, fique atento!

Os papéis de parede convencionais podem ou não ser impermeáveis. No caso dos resistentes à água, existe uma película sobre a estampa principal que impede a passagem de água. Para retirá-la, basta puxar uma das pontinhas com cuidado. Caso você não consiga fazer isso, faça pequenos cortes na superfície do papel para que, mais tarde, a água consiga atravessar essa camada.

3. Prepare o ambiente e evite acidentes

Como você pôde perceber no nosso tópico anterior, usaremos muita água! Por isso, é importante preparar o ambiente para evitar que acidentes aconteçam. Retire os móveis do ambiente, incluindo o seu sofá. Caso isso não seja possível, cubra cada um dos itens com protetores, mantas ou até mesmo lençóis. Feito isso, proteja as tomadas. Se você tiver protetores próprios, então, ótimo! Se não, vale usar fita adesiva, tudo bem? Mas tome bastante cuidado para que o local realmente esteja protegido. Por fim, escolha fazer a remoção do papel de parede em um final de semana, de preferência em dia bem ensolarado. Isso é importante porque evita que você precise acender a luz durante o processo, o que poderia ocasionar acidentes.

4. Proteja-se também!

Saiba que você pode acabar se molhando. Por isso, vista uma roupa adequada e se prepare para fazer bastante esforço. Em geral, recomenda-se usar água morna ou quente para a remoção do material, o que torna mais aconselhável vestir mangas compridas. Algumas pessoas usam um vaporizador para evitar molhar o chão, o que pode ser muito eficiente, mas também pode acabar queimando você. É comum que o vapor seja muito quente e até algumas gotas escapem do aparelho, por isso o ideal é usar uma luva.

5. Do que você vai precisar para retirar cada pedacinho

Embora muita gente acredite nisso, não será necessário virar um balde de água quente na sua parede, fique tranquilo! Você poderá usar apenas um rolo de tinta comum para deixar toda a superfície bem úmida. Depois de ter certeza de que não faltou nenhum cantinho, o papel e a cola já estarão bem amolecidos e, por isso, prontos para a retirada. Com o auxílio de uma espátula, raspe toda a estampa com cuidado, sem deixar escapar os detalhes, tudo bem? Isso pode fazer com que haja alguma sujeira no chão. O processo costuma demorar algumas horas, mas pode ser mais rápido dependendo da sua habilidade e do tamanho da parede.

6. Alternativas ao enxágue com água e rolo

No caso de você querer utilizar um vaporizador, o ideal é pressionar a placa de modo retilíneo em um dos limites do papel e seguir um caminho de baixo para cima ou de cima para baixo. Dessa forma, você terá certeza de que toda a superfície terá sido pressionada. Se você for utilizar a água convencional mesmo, também pode acrescentar um pouco de amaciante para deixar o papel de parede mais mole. Fica a seu critério. No final, a espátula ainda será necessária - em todos os casos.

Matérias: Limpeza

Ver mais