Lavanderia

Como lavar calcinha? Ginecologista explica quais cuidados ter com essa peça íntima

Depois de lavar as calcinhas, entenda-as em um local arejado e com sol
Depois de lavar as calcinhas, entenda-as em um local arejado e com sol

Quando se trata de lavar as peças íntimas (,principalmente calcinhas), é importante tomar certos cuidados, como usar os produtos de limpeza certos e ter atenção com a secagem. Muitas pessoas acabam cometendo erros bobos que podem resultar na proliferação de fungos e bactérias no tecido, mas sabia que é simples resolver esse tipo de problema? Para te ajudar, nós conversamos com o ginecologista Alexandre Brandão Sé, que deu ótimas dicas de como lavar calcinha. Confira!

Lave a calcinha com água e sabão e deixe secar ao sol

Para garantir uma boa higienização da calcinha, você não precisa de um sabão específico, sabia? O segredo para deixar o tecido livre de fungos e bactérias, na verdade, está em tomar os devidos cuidados com o processo de secagem. "O ideal é usar água e sabão, como na lavagem de todas as roupas. O principal é deixar secar ao sol e não deixar a roupa úmida na sombra ou em um local abafado por muito tempo", explica o ginecologista.

É errado lavar as calcinhas durante o banho?

De acordo com o ginecologista, não é propriamente errado lavar as calcinhas durante o banho. No entanto, após a lavagem, é sempre importante enxaguar bem a peça íntima para tirar todo o sabão e, em seguida, estendê-la em um local arejado. "Errado, na verdade, é deixar secar no banheiro, que geralmente é um local úmido e sem sol", destaca Alexandre. Ou seja, caso você tenha o hábito de lavar as peças íntimas no chuveiro, é primordial tirá-las do banheiro em seguida e estendê-las no sol, ok? Seguindo essa dica, não tem erro!

É necessário passar as calcinhas com ferro quente após a lavagem?

Algumas pessoas se perguntam se é necessário passar as calcinhas com ferro quente antes de usá-las. Esse hábito realmente ajuda a deixar a peça totalmente seca (caso ainda haja alguma parte úmida) e a eliminar possíveis microrganismos. No entanto, de acordo com o ginecologista, passar as peças não é imprescindível - exceto quando a pessoa sofre com algum problema ginecológico. "Geralmente isso não é necessário, principalmente se forem tomados as precauções de lavagem e secagem. No entanto, algumas pacientes com candidíase de repetição podem precisar de um cuidado a mais", finaliza o médico.

Obs.: Para se informar melhor sobre os cuidados necessários com a limpeza das calcinhas e manter a sua saúde ginecológica, a nossa sugestão é ter o acompanhamento de um(a) ginecologista a longo prazo. 

* Alexandre Brandão Sé (CRM 15796) é formado em Medicina pela Universidade de Brasília

Matérias: Lavanderia

Ver mais