Alimentação

Como fazer canjiquinha simples, com costelinha, frango e doce

A  canjiquinha com costelinha  é um tipo de sopa tradicional e muito consumida no estado de Minas Gerais
A canjiquinha com costelinha é um tipo de sopa tradicional e muito consumida no estado de Minas Gerais

Comida típica e muito popular no estado de Minas Gerais, a canjiquinha consiste basicamente em uma sopa de milho triturado com carne de porco. No entanto, existem diferentes variações desse prato mineiro (feitas com outras carnes e vegetais, por exemplo) que ficam bem saborosas. Ficou interessado? Aqui, nós separamos dicas de como fazer canjiquinha simples, com costelinha, frango e até uma versão doce para servir de sobremesa. Dá uma olhada!

Como fazer canjiquinha de diferentes formas?

Para variar sempre no cardápio e compor receitas de canjiquinha bem nutritivas, uma boa sugestão é variar nas carnes usadas e até mesmo apostar em vegetais como couve + diferentes temperos para incrementar o prato. Confira quatro opções de preparo que ficam bem saborosas:

1. Canjiquinha simples

Caso a ideia seja preparar uma canjiquinha simples - mais rápida e sem muitos ingredientes -, a nossa dica é caprichar nos temperos (como sal, pimenta e salsinha) e, quem sabe, acrescentar um pouco de linguiça calabresa picada para dar um toque a mais de sabor. Para agilizar o preparo, outra sugestão interessante é usar a panela de pressão.

Você vai precisar de: 1 xícara de chá de canjiquinha Qualitá, azeite, 1 linguiça calabresa picada (200 g), 4 dentes de alho amassados, 1 cebola média picada, 1 tomate médio picado, 1,5 litro de água fervida, 1 colher de sobremesa rasa de sal, salsinha picada a gosto.

Para começar, coloque a canjiquinha em uma bacia, lave-a e escorra 3 vezes. Depois, deixe-a de molho enquanto prepara os outros ingredientes. Em uma panela de pressão, coloque um fio de azeite e a calabresa picada. Refogue por uns minutos e, depois, adicione o alho amassado e a cebola picada. Siga mexendo os ingredientes, acrescente o tomate e refogue mais um pouco.

Escorra a água da canjiquinha (que estava de molho até então) e junte-a na panela. Despeje a água (já fervida), o sal e misture um pouco. Tampe a panela e deixe pegar pressão. Quando começar a chiar, diminua um pouco o fogo e espere 20 minutos. Depois, abra a panela, adicione salsinha picada a gosto, salgue mais um pouco (se desejar) e sirva à mesa. Prontinho!

2. Canjiquinha com costelinha

A canjiquinha com costelinha é uma versão que faz bastante sucesso e costuma ser muito servida nas cidades de Minas. Aqui, a ideia é que você capriche nos temperos (principalmente no cheiro-verde) e use preferencialmente a carne picada em cubinhos bem pequenos. Fica uma delícia!

Você vai precisar de: 1 xícara de chá de canjiquinha Qualitá, 500 g de costelinha picada, azeite, 5 dentes de alho amassados, 1 cebola média picada, pimenta-do-reino moída a gosto, 1 tomate grande picado, sal e cheiro-verde a gosto, 1,5 litro de água fervida

Primeiro, você deve lavar a canjiquinha 3 vezes e, depois, deixá-la de molho enquanto prepara os outros ingredientes. Em uma panela de pressão, coloque um pouco de azeite, a costelinha picada e deixe-a cozinhar um pouco. Depois, adicione o alho, a cebola, a pimenta e misture por mais um tempo. Acrescente o tomate, o sal, o cheiro-verde e deixe tudo cozinhar bem - a costelinha deve ficar dourada e os vegetais devem começar a se desfazer.

Transfira a canjiquinha para o escorredor, jogue-a na panela e misture bem com uma colher de pau. Por fim, adicione a água fervida, tampe a panela e, quando começar a chiar, deixe 15 minutos. Passado esse tempo, apague o fogo, abra a panela e sirva a canjiquinha. É de dar água na boca!

3. Canjiquinha com frango

Que tal preparar uma versão de canjiquinha com frango para servir de janta nos dias mais frios? Esse tipo de sopa é bem leve, nutritiva e relativamente simples de preparar. Essa alternativa, inclusive, é ótima para servir para pessoas gripadas ou resfriadas, pois dá um up na imunidade.

Você vai precisar de: 1 xícara de chá de canjiquinha Qualitá, 1 peito de frango cortado em cubos pequeno, azeite, 4 dentes de alho amassados, 1 cebola média picada, ½ talo de alho-poró, 1 tomate médio picado, 1,5 litro de água fervida, sal e cheiro-verde picado a gosto.

Para começar, lave a canjiquinha 3 vezes na água corrente e, depois, deixe-a de molho em uma bacia. Em uma panela de pressão, coloque um pouco de azeite, o frango cortado em cubos e deixe cozinhar por uns minutos no fogo médio. Depois, adicione o alho, a cebola e refogue mais um pouco. Em seguida, acrescente o alho-poró, o tomate e misture por alguns minutinhos.

Quando tudo já estiver bem refogado, transfira a canjiquinha para um escorredor (para tirar toda a água) e, então, jogue-a na panela. Mexa um pouco com a colher de pau, adicione a água fervida, o sal, misture de leve e, em seguida, encaixe a tampa. Deixe no fogo alto e, quando começar a chiar, diminua o fogo e marque 15 minutos. Passado esse tempo, apague o fogo, espere a pressão sair, abra a panela e adicione cheiro-verde picado a gosto. Sirva em seguida.

4. Canjiquinha doce

Em vez de preparar uma receita clássica salgada (feita com carnes e vegetais), você também pode dar uma chance para a canjiquinha doce, geralmente feita com o milho triturado, cravo, canela, leite de coco e coco ralado - resultando em mistura bem saborosa e perfeita para servir nas festas de São João. Vale a pena experimentar!

Você vai precisar de: 1 xícara de chá de canjiquinha Qualitá, 1 litro de água, 1 pau de canela quebrado, cravo a gosto, 1 xícara de açúcar refinado, 500 ml de leite integral, 1 garrafa de leite de coco Qualitá (200 ml), coco ralado a gosto, canela em pó a gosto para servir.

Primeiro, lave a canjiquinha 3 vezes e, depois, deixe-a de molho. Em uma panela de pressão, coloque 1 litro de água e deixe no fogo médio até ferver. Enquanto isso, transfira a canjiquinha para um escorredor. Quando a água começar a borbulhar, despeje a canjiquinha, o açúcar refinado, o pau de canela e o cravo a gosto. Misture suavemente com a colher e tampe a panela.

Quando começar a chiar, espere 10 minutos e apague o fogo. Em seguida, adicione o leite, o leite de coco e o coco ralado. Acenda novamente o fogo baixo e deixe por 25 minutos, sempre mexendo para que a mistura engrosse ainda mais. No final, é só apagar o fogo, transferir a canjiquinha doce para um prato e servir com canela em pó a gosto. Fica bem saboroso!

Matérias: Alimentação

Ver mais