Alimentação

Brasear e guisar: saiba tudo sobre esses métodos de cocção

Pratos braseados deixam a carne muito mais macia e com um gosto especial graças ao molho usado no seu preparo
Pratos braseados deixam a carne muito mais macia e com um gosto especial graças ao molho usado no seu preparo

Se você é fã de programas de culinária já deve ter se deparado com uma série de nomes de técnicas culinárias e ficado com aquela vontade de usar no seu dia a dia, né? Os métodos de cocção brasear e guisar são dois exemplos que costumam aparecer muito por aí e gerar algumas dúvidas de como eles são usados na cozinha. Abaixo, nós explicamos o que eles são e como devem ser feitos.

Brasear: método ajuda a deixar a sua carne bem macia

Ainda que o nome não soe familiar, esse método de cocção muito provavelmente já foi utilizado na sua casa. Ele consiste em cozinhar o alimento no fogão ou forno por um longo período utilizando fonte de calor úmida e seca. Para isso, dois passos são essenciais: você precisa que o alimento esteja em uma panela com fundo grosso - panelas fininhas podem acabar queimando por conta do longo tempo de cozimento - e que ela fique tampada durante o processo com a própria tampa ou papel alumínio.

O alimento a ser braseado pode ser uma carne ou vegetais, como repolho, alface e couve. Primeiro, você deve dourar o alimento até que ele ganhe cor e, em seguida, acrescentar o líquido - que pode ser água ou um caldo de legumes. Tudo vai depender a sua receita! Fique de olho porque alimentos como o frango, que já perdem muita umidade vão precisar de pouco ou nenhum líquido. O legal é que esse "molho" formado durante o cozimento vai ser servido no prato também! Você vai ver como até as carnes mais fibrosas ficam macias e saborosas com esse método.

Durante o preparo do seu prato, fique de olho na quantidade de líquido

Existem alguns cuidados extras que você deve ter enquanto estiver braseando. O primeiro deles é que apenas de ⅓ a ⅔ do alimento deve ficar submerso na água ou no molho. Isso não significa necessariamente que ingrediente principal fique no fundo da panela, já que ele pode boiar. Também é possível que esse líquido evapore, e por isso você terá que adicionar mais durante o cozimento. Outra ideia legal é que você coloque o molho novo bem em cima da carne ou legume, para que o alimento pegue bem o seu sabor. Uma última dica é não deixar a chama alta para que a comida não ferva.

Método de guisar precisa de carnes em tamanhos menores e bastante líquido

A principal diferença da técnica de brasear para guisar está no tamanho das peças de carne, além de ser um método de cocção mais indicado para carnes bovinas e aves. Nesse caso, o alimento também vai ser cozido lentamente em líquido, que pode ser uma água ou até mesmo um vinho, mas precisa que a carne seja cortada em pedaços pequenos. Normalmente, esse processo começa salteando ou refogando o alimento e depois juntando o restante dos ingredientes, como os legumes e vegetais. Você vai perceber que nos pratos guisados a quantidade de líquido é maior: o caldo deve ser três vezes maior que o volume do alimento. E ele deve ser servido assim mesmo, viu? Nada de coar! Aproveite para saborear o delicioso molho!

Matérias: Alimentação

Ver mais