Alimentação

Bolo solado nunca mais! O que fazer para deixá-lo sempre grande e fofinho

Uma dica para fazer o bolo perfeito para tomar com um cafezinho é desenformá-lo apenas quando a massa já tiver esfriado
Uma dica para fazer o bolo perfeito para tomar com um cafezinho é desenformá-lo apenas quando a massa já tiver esfriado

Um grande pedaço de bolo num fim de tarde, acompanhado daquele cafezinho... Quem não quer? Do de aniversário ao mais simples e caseiro, essa sobremesa é aquela indispensável que não pode faltar no lanche. Mas muita gente ainda briga com o forno na hora de prepará-la, pois acaba fazendo o bolo solar. Isso acontece com você? Fica tranquilo! Reunimos todas as dicas para você arrasar na cozinha e fazer um bolo fofo e grande como o das confeitarias! Então se liga:

Não pese a mão no líquido

Não importa se é leite, suco ou iogurte: a medida de líquido errada pode arrasar a receita e fazer o seu bolo solar, mesmo que você tenha todo o cuidado na hora do preparo. Por isso, confira sempre a receita e utilize exatamente a quantidade recomendada para fazer a massa.

Só o iogurte pode estar gelado na receita

Não utilize nenhum ingrediente gelado na receita. Quanto mais frios estiverem, mais tempo vão demorar para incorporarem à massa, o que acaba deixando-a pesada e dificultando o crescimento. O ideal é usar os ingredientes em temperatura ambiente e, para isso, tire-os da geladeira antes do preparo. Mas atenção! Há algumas massas que levam iogurte, e esse é o único ingrediente que nunca deve sair do refrigerador antes do preparo.

Nada de 'olhômetro'!

As receitas geralmente são criadas por pessoas que fizeram várias experiências para combinar os ingredientes certos com medidas precisas. Por isso, respeitar a quantidade dos ingredientes é essencial para que o bolo dê certo. Não tente medir nenhum ingrediente no "olhômetro" para não comprometer o resultado final.

Fermento é só no final!

O fermento é o ingrediente que determina o crescimento do bolo, o que significa que errar a mão ou usá-lo da maneira equivocada é um verdadeiro desastre. Por isso, ele deve ser acrescentado com cuidado na receita. Isto é, nunca deve ser colocado no início, ou misturado no liquidificador ou na batedeira. O fermento precisa ser incorporado ao final, aos poucos, com o auxílio de um garfo ou colher, sempre manualmente.

Forno preaquecido é essencial

É muito importante preaquecer o forno antes de levar a massa para assar. O calor prévio é necessário para que a massa não leve um "choque térmico" em pleno fogão, prejudicando o seu crescimento. É bom lembrar que 5 minutinhos são mais do que suficientes para deixar o equipamento no ponto para receber a receita.

Controle a curiosidade!

Nada de abrir o forno enquanto o bolo estiver assando! A temperatura é medida para ficar concentrada em espaço fechado. Permitir a entrada de um ar de outra temperatura é dar um choque térmico na massa, fazendo com que ela não cresça mais. Uma alternativa é acender aquela lâmpada que fica dentro do forno para olhar o bolo sem a necessidade de abrir a portinha.

Desenforme o bolo apenas quando ele estiver frio

Muita gente não sabe, mas deixar o bolo esfriar faz parte da receita: ele só está pronto quando fica frio. Isso porque a massa precisa esfriar para ficar firme, não murchar ou desmontar. Portanto, nada de desenformar o bolo quente: segure a ansiedade e espere esfriar e ele estará fofinho, pronto para cortar e degustar!

Matérias: Alimentação

Ver mais