Alimentação

As melhores formas de congelar carne vermelha, frango e peixe

Para guardar filés de carne, frango ou peixe no congelador, uma boa dica é usar sacolas plásticas para conservar bem
Para guardar filés de carne, frango ou peixe no congelador, uma boa dica é usar sacolas plásticas para conservar bem

Para conservar carnes, aves e frutos do mar, a melhor dica é recorrer ao freezer - já que, quando congelados, os alimentos duram mais tempo, e assim você pode cozinhá-los aos poucos. Só que existem alguns segredinhos para que as carnes não percam sabor ou nutrientes. Para te ajudar na cozinha, nós separamos algumas dicas de como congelar carne vermelha, frango e peixe. Dá uma conferida!

Carnes vermelhas devem ser congeladas sem tempero

Peças de picanha, alcatra, filé mignon e outras carnes vermelhas devem ser congeladas, e de preferência sem nenhum tempero. Ou seja, o ideal é que você as armazene no congelador ainda embaladas (inteiras, sem nenhum corte) e só retire na hora de temperar e cozinhar. As carnes embaladas a vácuo, em especial, ficam muito bem conservadas e só devem ser retiradas do plástico justamente na hora de temperar.

Além disso, vale destacar que o processo de descongelamento deve ser lento - ou seja, no dia anterior ao preparo, você deve retirar a carne do congelador e colocá-la na geladeira. No dia seguinte, ela já estará descongelada e pronta para o corte, limpeza e preparo.

Obs.: Na correria do dia a dia, muita gente acaba descongelando as carnes no micro-ondas ou na água quente. No entanto, ambos os processos podem fazer com que o alimento perca vitaminas, nutrientes e até mesmo o sabor. Portanto, lembre-se de tirar a carne do congelador com antecedência para que ela descongele lentamente, dentro da geladeira.

Para preparar o almoço, por exemplo, uma boa dica é cortar as peças na parte da manhã - bem cedinho mesmo - e, então, aplicar uma marinada (com limão, vinagre ou até mesmo vinho e outros temperos). Deixe a carne marinando durante algumas horas em um pote dentro da geladeira. Assim, a peça consegue pegar melhor o sabor e também fica mais macia - fica a dica!

Você pode montar hambúrgueres caseiros e armazená-los no congelador

Em vez de guardar carnes inteiras - e sem tempero - no congelador, você também pode preparar hambúrgueres caseiros (feitos a base de carne moída, alho, sal e temperos) e armazená-los em saquinhos plásticos dentro do freezer. Assim, o hambúrguer já fica semi pronto e, quando tiver vontade, você só precisa prepará-lo na frigideira com um pouco de manteiga.

Frango pode ser congelado com ou sem tempero

Diferentemente das carnes vermelhas, o frango pode ser conservado no freezer mesmo quando temperado. Neste caso, você só precisa limpá-lo bem (seja peito, coxa ou sobrecoxa), retirar as pelinhas, gorduras e aplicar os temperos que você quiser. Depois de temperar, coloque o frango dentro de alguma vasilha plástica (você até pode reaproveitar potes de sorvete) e armazene-o dentro do congelador.

No entanto, vale lembrar que, quando os temperos ficam muito tempo no congelador, é possível que eles percam um pouco do efeito e do sabor. Por isso, muitas pessoas também preferem congelar o frango dentro da embalagem original (assim como as carnes vermelhas) e sem tempero. Carnes e aves inteiras podem durar até um ano dentro do freezer, basta que não estejam cortadas ou temperadas - impressionante, né?

Guarde os peixes embalados (cortados ou não) e sem tempero

Assim como as carnes vermelhas, os peixes devem ser armazenados sem tempero dentro do freezer. Aqueles que já vêm em embalagens ou saquinhos próprios podem ser guardados exatamente dessa forma. Mas caso você compre peixes inteiros ou filés soltos, o ideal é envolvê-los em sacolas plásticas e, depois, armazená-los dentro do freezer. Assim, você também evita que o cheiro forte (característico do peixe) fique impregnado no congelador.

Obs.: Vale lembrar que, depois de prontos, os peixes não devem ser congelados novamente. Aliás, essa lógica também serve para as carnes vermelhas e frangos - uma vez prontos, o ideal é que sejam consumidos o quanto antes e mantidos na geladeira. Assim, eles não perdem nutrientes e também ficam mais saborosos. 

Matérias: Alimentação

Ver mais