Economia do lar

Aprenda a encerar a casa e evite o desgaste do piso

Enceradeiras são uma mão na roda na vida de quem quer manter o chão livre de riscados
Enceradeiras são uma mão na roda na vida de quem quer manter o chão livre de riscados

Ter o chão da nossa casa sempre limpo e brilhando pode ser uma tarefa demorada, mas vale à pena. O que muita gente não sabe é como exatamente deixá-lo reluzente. Mas fique tranquilo: a arte de encerar não é nenhum bicho de sete cabeças. E, para provar isso, fizemos um passo a passo de tudo o que é necessário fazer para ter o chão da sua casa como novo. Preparado? Então mãos à obra!

Saiba exatamente a história do seu piso

Muita gente assim que se muda ou faz uma obra e descobre um piso cheio de rachaduras e aspecto opaco. Isso é bastante comum principalmente nas superfícies de madeira. Nesses casos, é bem provável que o material já tenha sido encerado anteriormente. Para saber se isso ocorreu, é só passar a mão pelo piso e se atentar ao toque. Se for fácil sentir os desníveis sutis da madeira, é porque ela nunca foi tratada. Se você não conseguir sentir nenhum sinal de madeira crua, use um pano com aguarrás ou outro diluente para limpar uma pequena parte do piso. Caso o pano volte com manchas amarelas ou na cor marrom, é porque o piso foi encerado em algum momento anterior. Mas se o pano não denunciar nada, provavelmente o chão apenas passou por um acabamento.

É hora de retirar o que foi feito anteriormente

O acabamento e o enceramento, após algum tempo, começam a não fazer mais efeito. Pode ser que a camada superficial ainda visível sobre o seu piso esteja toda riscada ou desgastada, o que aponta para um cuidado imediato. Por isso, antes de encerar a área novamente, é necessário remover os últimos resquícios do cuidado anterior.

O método mais indicado é usar uma enceradeira ou uma máquina de raspagem. Os equipamentos são capazes de remover os resquícios da antiga enceragem completamente, sem falhas. Mas se você não pode contar com esse mecanismo, não se desespere: dá para fazer tudo manualmente usando apenas algumas palhas de aço presas no cabo de uma vassoura. Esfregue o chão lentamente até que toda a cera antiga saia por completo e então varra a área para tirar as últimas partículas soltas.

Aplicando a parte principal: a cera

Depois de tudo isso, é hora de enfim colocar a cera no piso. É importante saber exatamente que tipo de madeira é a da sua casa antes de comprar o material, porque existem muitas ceras disponíveis no mercado, cada uma mais adequada a um determinado modelo de piso. Feito isso, você pode aplicar a cera devagar em um pano seco e bem macio, de preferência algum que não solte fiapos. Isso é importante especialmente porque evita que os fios entrem nos rejuntes do seu chão.

Depois de cobrir todo o piso, espere secar por algumas horas. Você terá certeza de que está completamente seco quando o que sobrar for só o esmalte, tudo bem? Para finalizar e fazer o polimento que dará o toque final no seu piso, cubra as cerdas da sua vassoura com uma flanela e esfregue.

Cuidados de todos os dias com seu piso

Jamais lave seu piso de madeira. Isso pode gerar mofo, manchas e ainda deixar o chão com um cheiro desagradável. O ideal mesmo é apenas limpar com um pano seco e macio e varrer as principais impurezas regularmente. Uma vez a cada seis ou doze meses você pode renovar a enceragem do piso, para que a superfície esteja sempre reluzente. Se seu piso for de pedra ou cerâmica, o processo deve ser feito duas vezes ao ano. Se a cera ficar descolorida em alguns pontos específicos, você pode esfregar ou mesmo utilizar uma lixa para dar uniformidade ao ambiente. E esteja sempre atento a arranhões!

Matérias: Economia do lar

Ver mais