Pets

Animais de estimação para crianças: conheça os bichinhos que ajudam no desenvolvimento infantil

Fiéis e extremamente amorosos, os cachorros são um dos principais animais de estimação que ajudam no desenvolvimento infantil
Fiéis e extremamente amorosos, os cachorros são um dos principais animais de estimação que ajudam no desenvolvimento infantil

Você já parou para pensar que os animais de estimação podem ajudar - e muito - no desenvolvimento infantil? Capazes de inspirar responsabilidade e empatia, a relação dos pets com as crianças estimulam diversos hábitos positivos nos pequenos! Mas para criar um bichinho em casa é preciso escolher o animal com sabedoria, levando em consideração o espaço, os custos e até mesmo condições alérgicas. Quer saber quais são os melhores animais de estimação para crianças? Continue lendo a matéria!

1. Cachorros

Conhecidos por serem "o melhor amigo do homem", os cachorros costumam ser a primeira opção de animais para crianças. Embora sejam fáceis de lidar, alguns cuidados são bem importantes antes de adotar o bichinho. Nesse caso, o tamanho da casa (ou apartamento) e os custos mensais com alimentação, higiene e saúde, por exemplo, devem ser levados em conta. Também é relevante considerar o porte do animal e tentar adequar ao tamanho do pequeno. Mas aqui vai um conselho: além de serem companheiros fiéis que acompanham as crianças em todos os momentos, os cachorros estimulam a sociabilidade e a expressão de afeto. Por isso e vários outros motivos, são uma ótima escolha!

2. Gatos

Mais astutos e independentes que os cães, os gatos muitas vezes não são a primeira opção para os pais de pet. Mas é importante ressaltar que a relação dos felinos com as crianças também ajuda a desenvolver o senso de responsabilidade e, principalmente, de respeito - afinal, deve-se ensinar ao pequeno a sempre respeitar a sua necessidade de tempo sozinho. Assim como os cachorros de porte pequeno, os gatos também conseguem se adaptar aos apartamentos, mas lidam ainda melhor se tiverem algumas distrações - como arranhadores e brinquedos.

3. Coelhos

Quem mora em casas maiores com quintal pode optar por adotar um coelho para as crianças! Além de serem inteligentes e carinhosos, os roedores são silenciosos e ocupam pouquíssimo espaço. O único cuidado é que eles costumam ser bem delicados e a forma como se pega ou brinca com esse animal deve ser cautelosa. Além disso, os coelhos precisam de uma alimentação específica com rações próprias para o animal e uma boa variedade de vegetais (que devem ser recomendados por um especialista). 

4. Pequenos roedores (como hamsters)

Na relação de animais e crianças, roedores menores - como os hamsters - podem ser a escolha perfeita para quem não tem espaço em casa. Conhecidos como "ratinhos domésticos", os hamsters ficam confinados a uma gaiola, sem deixar de interagir e entreter as crianças! Você só precisa se lembrar de limpar a gaiola, equipá-la com água e ração e acrescentar alguns brinquedos.

5. Peixes

Assim como os pequenos roedores, os peixes não dão praticamente nenhum trabalho e são uma ótima opção para entreter as crianças! Fáceis de lidar, eles só precisam de um aquário, comida na medida certa e manutenção de tempos em tempos. Por serem bichinhos pouco interativos, a escolha é ainda melhor para crianças observadoras e, assim, os peixes podem ser os primeiros animais a apresentar as responsabilidades de criar um pet em casa.

Matérias: Pets

Ver mais