Alimentação

5 alimentos que demoram a estragar e que você pode comer sem pressa

Quando bem conservados, alho, cebola e batata podem demorar até 3 meses para estragar
Quando bem conservados, alho, cebola e batata podem demorar até 3 meses para estragar

Quem mora sozinho sabe que comer todos os alimentos perecíveis antes que eles estraguem muitas vezes pode ser um desafio. Mas sabia que existem alguns que demoram mais para sair da validade e você pode consumi-los sem pressa, mas sempre com atenção? É importante destacar que tudo depende da forma que você conserva os alimentos - afinal, quando bem guardados, eles tendem a durar muito mais na despensa. Aqui, nós listamos seis alimentos que demoram mais a estragar. Confira!

1. Cebola

Quando bem conservada, a cebola pode durar cerca de 2 meses sem estragar. Mas, para isso, ela precisa estar crua e com a casca, em um local seco e bem fresco. Por isso, é fundamental que você tenha uma despensa devidamente climatizada e limpa. Caso contrário, o ideal é armazená-la dentro da geladeira. Assim, ela pode durar até 3 meses sem problemas.

2. Alho

O alho cru é outro alimento que costuma durar bastante. Mas assim como a cebola, ele também deve ficar estocado em um lugar apropriado - seja na fruteira ou em uma bacia na cozinha. Quando armazenado em um local devidamente fresco e limpo, esse alimento também pode durar até 3 meses. Para quem vive em um local muito quente, o indicado é colocar os dentes de alho dentro de saquinhos na geladeira. Não tem erro!

3. Batata

Sabia que a batata também pode durar bastante tempo quando armazenada crua? Vale destacar que alimentos preparados (cozidos, fritos ou assados) têm uma vida útil bem menor. Ou seja, após preparar algum prato - como purê, batata frita e bolinhos -, o ideal é comer o quanto antes. Afinal, quanto mais fresquinho, mais gostoso! A batata crua e com casca, por outro lado, pode durar até 2 meses na despensa.

4. Carnes, frangos e peixes congelados

Para quem quer guardar carnes vermelhas, aves e peixes crus durante bastante tempo, o segredo é colocar as peças dentro do freezer - de preferência, enroladas em sacos plásticos. Dessa forma, elas ficam bem conservadas e podem ser descongeladas à medida que for necessário. Geralmente, o indicado é retirá-las do congelador um dia antes do preparo.

Peças cruas de carne vermelha, por exemplo, podem durar até 8 meses no freezer. Já os peixes devem ser administrados com maior cuidado, pois estragam com mais facilidade. Eles costumam durar entre 3 a 6 meses no congelador, dependendo do tipo.

5. Manteiga

Por ser um alimento industrializado, a manteiga costuma ter uma vida útil bem grande. Só que uma dúvida que muitas pessoas têm é: ela deve ficar dentro ou fora da geladeira? Essa é uma questão bem polêmica, pois alguns preferem deixar fora por conta da consistência. No entanto, para que a manteiga dure mais tempo, o indicado é que ela fique armazenada dentro da geladeira. É importante levar em conta que ela é um tipo de laticínio (feita a base de leite), portanto, caso ela fique em um meio muito quente, pode acabar estragando rápido demais. 

Dicas bônus:

Sacos de arroz e feijão também duram bastante tempo, mesmo depois de abertos. O segredo é sempre deixar os alimentos em potes de vidro bem vedados. Caso contrário, é possível que alguns bichinhos entrem e acabem estragando os grãos.

Para evitar que as frutas amadureçam rápido demais, aqui vai uma dica de ouro: deixe as maduras sempre distantes das verdes. O processo de maturação desses alimentos ocorre através do gás etileno. Ou seja, caso você deixe uma fruta muito madura (com muito gás etileno) próxima de uma verde, esta última terá seu processo de amadurecimento acelerado.

Matérias: Alimentação

Ver mais